É quase um consenso de que os funcionários são parte importante da empresa e geralmente refletem sua personalidade, perspectivas e propósitos nos produtos, serviços ou mesmo na imagem da instituição. Por isso, é fundamental que seus colaboradores representem o que você deseja ver no futuro do negócio. Mas como encontrar o perfil ideal para minha startup?

startup

A construção de uma startup geralmente acontece a partir de uma ideia inovadora, e depende da crença de outras pessoas no propósito para que o negócio se solidifique, sejam investidores ou funcionários. Além disso, é muito provável que no início do negócio não haja muito recurso financeiro, por isso fazer escolhas certas na hora de contratar é essencial.

Lembre-se: cada escolha errada pode atrasar o desenvolvimento e crescimento do seu negócio, por isso é importante saber que tipo de pessoa contratar para sua startup.

Do outro lado, as startups atraem os funcionários que desejam trabalhar em um ambiente diferente do tradicional, onde tenham mais liberdade para expor suas ideias, crescer como profissional e construir coletivamente uma organização que esteja alinhada com sua visão de mundo.

Startup e os Millennials: a combinação que está construindo o futuro

A geração das startups nasceu juntamente com a ascensão dos Millennials no mercado de trabalho. Essa combinação permitiu que houvesse uma explosão de novas soluções, invenção de serviços e aplicativos que mudaram radicalmente o modo como nós costumávamos consumir, viajar, aprender e muito mais.

Exemplos disso são empresas como a Uber, Airbnb, Netflix, Duolingo, entre outros. Muitas das empresas que admiramos hoje foram criadas pelo grupo de pessoas que estão dispostas a trabalhar por um objetivo em comum e pelo propósito que acreditam.

A identificação com os valores da empresa é um fator imprescindível para ser analisado antes da contratação. É muito provável que um funcionário que não esteja alinhado com os objetivos da empresa acabe, mais cedo ou mais tarde, se desligando da empresa. Isso pode causar atrasos e prejuízos para a sua startup, pois aumenta o índice de turnover e diminui a produtividade da equipe.

Não esqueça: os Millennials são conhecidos pela inquietação e a constante busca pelo novo, gostando de ser desafiados mas tendo uma perspectiva de onde eles podem chegar se mostrarem esforço e resultados.

Contudo, é importante tomar cuidado e atentar para profissionais que, além de inquietos e inovadores, sejam comprometidos e que tenham habilidades emocionais bem desenvolvidas. Isso é importante para que, quando estiver dentro da empresa, o colaborador possa tomar decisões mais racionais, e não deixe os sentimentos pessoais atrapalharem sua jornada profissional.

Desafios para os profissionais de RH nas startups

Em um mercado de alta competitividade entre os colaboradores, como o setor de TI, onde os funcionários precisam ser qualificados e ter uma boa bagagem profissional para contribuir para a empresa, o time de RH e gestão de pessoas se faz fundamental para a contratação de profissionais adequados e retenção de talentos através da remuneração estratégica e suporte ao intraempreendedorismo.

Para adotar essas estratégias, você pode contar com uma consultoria especializada, como a da Sinergia, para auxiliar na contratação de funcionários para sua empresa.

Algumas das qualidades que podem indicar um bom perfil de funcionário para startups são:

  • criatividade e pensamento inovador;
  • compreensão com diferentes pontos de vista;
  • capacidade de adaptação e resiliência;
  • facilidade e gosto por trabalho em equipe;
  • habilidade de pensar em soluções alternativas;
  • clareza para expor suas ideias e insights.

Outro fator importante é pensar no planejamento estratégico de RH, para engajar os colaboradores a fim de reter talentos. Depois da contratação, existe ainda um passo tão importante quanto a atração de bons funcionários, que é a manutenção deles dentro da empresa.

Uma equipe motivada e engajada não só pode trazer retorno financeiro para a startup, mas também contribui para o fortalecimento da cultura organizacional e do employer branding da marca.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com a gente suas experiências, dúvidas e sugestões. Não deixe de acompanhar nosso Blog e seguir nossa páginas no Facebook e LinkedIn.